CAPES abre inscrição em curso EaD grátis de Alfabetização

Inscrição para curso grátis totalmente a distância (EaD) na área de Alfabetização com Certificado promovido pela CAPES e Ministério da Educação (MEC).

Compartilhe esta postagem:

A Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (CAPES), em parceria com o Ministério da Educação, iniciou a inscrição para o curso on-line ‘Alfabetização Baseada na Ciência (ABC)’.

Veja também: Instituto abre 11 mil vagas em 22 cursos a distância

O curso ABC se propõe a ofertar uma qualificação de nível internacional aos profissionais da alfabetização, aliando teoria e prática. A iniciativa é parte do Tempo de Aprender, programa de alfabetização escolar, e foi viabilizada por meio de uma cooperação internacional entre a CAPES, a Secretaria de Alfabetização (Sealf) do MEC, a Universidade do Porto (UP), o Instituto Politécnico do Porto (IPP) e a Universidade Aberta de Portugal (UAB).

Com investimento de R$ 6,3 milhões da CAPES, o curso ABC é a primeira ação da parceria com instituições portuguesas. O foco está na capacitação de professores que atuam na pré-escola até o segundo ano do ensino fundamental.

Quer RECEBER no celular notícias de educação e concursos? Então clique e participe do nosso Canal no App Telegram

Inscrição e quem pode participar do curso de Alfabetização da CAPES

A duração do curso é de 160 horas com direito a Certificado, no Ambiente Virtual de Aprendizagem do MEC (Avamec) totalmente a distância, sem necessidade de nenhum encontro presencial. Vídeos, materiais de leitura e tarefas de estudo concebidos de acordo com os princípios da gamificação e dos recursos abertos compõem o acervo.

A inscrição pode ser feita a partir desta quarta-feira, 09 de dezembro de 2020, no link disponível no final desta matéria, até o preenchimento total das 40 mil vagas ofertadas (Atualização em 24/12/2020: foram disponibilizadas mais 40 mil vagas, perfazendo o total de 80 milAtualização em 15/01/2021: foram disponibilizadas mais 100 mil vagas, agora o total é 180 mil vagas.). O início do curso é em janeiro de 2021 e pode participar professores que atuam na área de Alfabetização.

O curso é composto por um Manual Teórico, de 24 capítulos, elaborado pela Faculdade de Psicologia e de Ciências da Educação da Universidade do Porto, e um Programa de Intervenção Prático, desenvolvido pelo Centro de Investigação e Intervenção na Leitura do Instituto Politécnico do Porto. A Universidade Aberta de Portugal ficou responsável por gravar as videoaulas e produzir as legendas para o português do Brasil.

A parceria prevê, além da formação a distância, levar professores alfabetizadores a Portugal em 2021 e 2022. Neste ano, o curso foi convertido para a modalidade on-line por causa do isolamento social imposto pela pandemia do novo coronavírus.

Links para acesso dos interessados no curso

Compartilhe esta postagem:

Sobre o autor | Website

Blogueiro há 12 anos da área de Educação e Concursos, já publiquei mais de 5.290 notícias neste site; Jornalista Técnico (Registro Nº 1102-MA - Ministério do Trabalho e Emprego).

Para enviar seu comentário, preencha os campos abaixo:

Deixe uma resposta

*

1 Comentário

  1. Érica disse:

    Sou professora alfabetizadora e 2020 foi um desafio e tanto !
    Mas em meio à pandemia, pude descobrir a criatividade e a inovação dentro de mim. Quero aprender mais para dar o melhor de mim!