Educação para Design de Games no Brasil

O Brasil é um dos líderes mundiais no mercado de games e a oferta de empregos no setor também está crescendo. Saiba mais sobre a educação para design de games no Brasil.

Compartilhe esta postagem:

O mercado de games tem crescido com cada vez mais velocidade ao redor do mundo, criando um cenário bastante propício para quem vê nesta indústria algo muito além do entretenimento.

Entre a popularidade dos e-sports e as novas oportunidades de educação para quem tem interesse em design de games, não há dúvidas sobre as possibilidades de trabalho e carreira oferecidas pela indústria dos jogos digitais.

No Brasil, é claro, o cenário não é diferente. O país é um dos líderes mundiais neste mercado, movimentado bilhões de dólares em vendas de jogos todos os anos. Com isto, o país também se tornou um alvo de investimentos do setor de desenvolvimento de games.

Ou seja, trabalhar com jogos digitais nunca esteve tão em alta. Hoje, o design de games é uma opção profissional completamente viável e atrativa, que só tende a crescer ainda mais. Por isso, se você está interessado na área, aqui está tudo o que você precisa saber sobre a educação para design de games no Brasil.

Perfil profissional e pré-requisitos

Obviamente, o primeiro requisito para um bom profissional na área é a paixão pelos games. Misturar este hobby a uma carreira profissional é o sonho de muita gente, mas além do amor pelos jogos também é preciso ter foco e um interesse maior sobre tudo que está por trás do joystick.

Muitos profissionais da área começaram sua jornada como fãs, criando designs e modificações para seus jogos favoritos. Por isso se você gosta de explorar modificações inusitadas no GTA, ou frequenta sites para comprar skins de CS GO, por exemplo, uma carreira no design de games já não é uma possibilidade tão distante

Você também precisa ter afinidade com tecnologias e linguagens de programação, ser um aprendiz rápido e ter facilidade com o trabalho em equipe.

A carreira no design de games e o mercado de trabalho

Como já mencionamos, o design de games é uma carreira que cresce cada vez mais. No entanto, por ser uma área de atuação relativamente nova, pode não ficar claro para muita gente por onde começar ou quais são as possibilidades de trabalho.

A boa notícia é que esta é uma carreira bastante abrangente. Além do segmento de jogos para consoles, profissionais da área também podem atuar na elaboração de jogos para celulares, jogos educacionais e simulações para uma ampla variedade de finalidades.

Ou seja, o mercado é bastante promissor e a demanda por profissionais qualificados na área fica cada vez maior, principalmente em países como o Brasil, onde os investimentos no setor ainda são novidade.

Qualificação e cursos

Ter formação acadêmica não é um requerimento para quem quer seguir carreira no design de games. Mesmo assim, este é um diferencial cada vez mais importante, afinal, ser apaixonado por jogos não é o suficiente para uma carreira de sucesso.

A formação em design de games ainda é relativamente nova no Brasil, ainda assim, não faltam opções de ótimos cursos e faculdades disponíveis em todo o território nacional. A área já conta com mais de 40 cursos de graduação tecnológica registrados e com ótima avaliação MEC, incluindo o curso de Jogos Digitais da Pontifícia Universidade Católica de Minas Gerais (PUC Minas).

As universidades Cruzeiro do Sul (UNICSUL), Estácio de Sá (UNESA) e Pontifícia Universidade Católica de São Paulo (PUC SP) também contam com ótimas opções de graduação tecnológica para quem quer seguir carreira no desenvolvimento de games. Quem está em busca de um bacharelado na área também pode apostar no Curso de Design de Games da Universidade Anhembi Morumbi.

Vale lembrar que, mesmo que os cursos diretamente voltados para o design de games pareçam a melhor opção para os interessados em trabalhar na área, a indústria de games compreende muitos outros ramos de conhecimento. Ou seja, profissionais de Engenharia da Computação, Design Gráfico, Comunicação Social, Cinema, Música e muitos outros setores podem encontrar seu espaço no processo desenvolvimento de jogos eletrônicos.

Compartilhe esta postagem:

Sobre o autor | Website

Blogueiro há 11 anos da área de Educação e Concursos, já publiquei mais de 5 mil notícias neste site; Jornalista Técnico (Registro Nº 1102-MA - Superintendência Regional do Trabalho e Emprego do Maranhão - SRTE-MA).

Para enviar seu comentário, preencha os campos abaixo:

Deixe uma resposta

*

Seja o primeiro a comentar!