8 dicas para vagas de EMPREGO na pandemia

O desafio para conquistar uma vaga de emprego parece ser ainda maior em tempos de pandemia do Coronavírus. Por isso é importante ficar de olho e se organizar para conquistar e aproveitar as oportunidades que surgirem.

Compartilhe esta postagem:

Como procurar vagas de emprego durante a pandemia? Esta é a pergunta que muitas pessoas estão se fazendo, já que o mercado de trabalho vem se mostrando com um número bem menor de contratações e diversas demissões em alguns casos.

Veja as dicas elaboradas pelo Glassdoor, plataforma de avaliações de empresas, e uma especialista em recolocação para ajudar quem está em busca de uma nova oportunidade profissional.

1. Organize um cronograma

Quando você faz um cronograma, fica um pouco mais fácil de encarar a procura de um emprego como um trabalho. Isso envolve estipular um horário específico para fazer uma busca todos os dias. Tudo isso deve ser feito de forma organizada, com ações que possam ajudar nesse processo, como metas, avaliações de progresso e melhorias para reativar sua rede de contatos. Assim, vai ser possível focar em oportunidades que realmente sejam mais interessantes para você e que estejam de acordo com os seus objetivos de carreira.

Vagas de emprego na pandemia

2. Ative suas redes sociais

O momento pode ser muito bom para reativar antigas conexões e até mesmo estreitar relacionamento com novos contatos. Lembre-se dos amigos, ex-colegas de trabalhos e antigos professores. Eles podem conhecer alguém que esteja com alguma vaga aberta. Outra possibilidade bem válida é participar de eventos on-line e grupos de Facebook e WhatsApp que compartilham vagas de emprego.

“Agora, mais do que nunca é hora de intensificar sua presença on-line e fazer contatos com quem pode lhe dar dicas sobre o mercado. É hora de realizar boas pesquisas e descobrir empresas e segmentos que cresceram durante a crise. Participar de entrevistas de emprego on-line será tão comum como escovar os dentes. Então, é hora de se preparar para tal.” Tais Targa, especialista em recolocação profissional e top voice do LinkedIn.

3. Fique de olho nos setores em crescimento

Estar antenado nas tendências do mercado e em áreas que mostram algum crescimento pode ser uma boa estratégia. Setores como tecnologia, varejo, logística e saúde demandaram mais recursos com o surgimento da pandemia e a necessidade de quarentena.

Você pode ficar de olho em informações como número de contratações e salário médio nos estados brasileiros de acordo com dados do Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged), no Guia de Profissões do Quero Bolsa.

Veja também:

4. Atualize seu currículo

Reformular o currículo e os perfis profissionais on-line atualizando experiências e habilidades também pode ser uma tarefa importante nesse momento. Dedicar um tempo para desenvolver sua marca pessoal traz a possibilidade de você se diferenciar diante dos recrutadores. Se você ainda não sabe como fazer isso, veja alguns modelos de currículo que podem ajudar. 

5. Aproveite os cursos on-line

Outro ponto relevante quando você está procurando emprego é usar o tempo disponível para fazer cursos on-line. Muitas plataformas disponibilizaram seus conteúdos de forma gratuita, permitindo que mais pessoas se qualificassem e desenvolvessem novas habilidades durante a pandemia. Há também instituições de ensino a distância que podem oferecer descontos nos cursos EaD oferecidos. Não se esqueça: esse aprendizado pode ser fundamental na hora de disputar uma vaga.

Veja também: lista com mais de 1.000 cursos grátis para fazer em casa

6. Considere as vagas temporárias

Os trabalhos como freelancer podem ajudar nesse período e funcionar como oportunidades de enriquecer o currículo com outras experiências. Por isso, estar aberto a essas alternativas de trabalho e saber aproveitá-las são posturas essenciais. Às vezes, fazer alguma coisa que você realmente gosta mas nunca tenha explorado pode ser o pontapé para um trabalho freelancer.

7. Prepare-se para entrevistas on-line

As entrevistas on-line passaram a ser muito adotadas com o período de quarentena, por isso é bom estar preparado para essa realidade. Tenha cuidado com a roupa que usa, os ruídos ao redor e a iluminação do ambiente em que você está no momento da entrevista. Se quiser, pode até baixar algumas plataformas e fazer alguns testes com elas para se familiarizar e garantir mais tranquilidade na hora da entrevista.

8. Seja paciente

É difícil pensar em paciência em momentos de isolamento social e de falta de emprego, mas as coisas podem funcionar de uma forma mais lenta que a normal. Trata-se de um momento difícil para todos, profissionais e empresas que estão tentando se adaptar a uma nova realidade em pouco tempo. Portanto, tenha calma e seja paciente.

Com informações do Quero Bolsa, parceiro do Castro Digital.

Compartilhe esta postagem:

Sobre o autor | Website

Blogueiro há 11 anos da área de Educação e Concursos, Jornalista Técnico (Registro Nº 1102-MA - Superintendência Regional do Trabalho e Emprego do Maranhão - SRTE-MA).

Para enviar seu comentário, preencha os campos abaixo:

Deixe uma resposta

*

Seja o primeiro a comentar!