A picanha maturada vendida nos açougues de Paulo Ramos – MA – Por Armando Dantas*

Compartilhe esta postagem:

É manhã de domingo. Você acorda com aquela vontade de comer um delicioso churrasco. Acorda cedinho e vai até o mercado municipal de Paulo Ramos – MA coincidentemente chega na hora que a carne está sendo entregue aos açougueiros, de pronto, você logo fala: “Essa picanha tá boa! Vou querer para o meu churrasco!”

Mas você nem imagina o calvário que aquela pobre picanha tem que percorrer até chegar à sua churrasqueira. Logo de cara, os animais escolhidos para o abate em nossa cidade não passam por nenhuma inspeção sanitária antes de entrarem no matadouro. Uma vez lá dentro, são sacrificados ali mesmo no curral, disputando o lugar com urubus, fezes, urina, lixo e restos de animais abatidos nos dias anteriores.

Como se já não bastasse, durante o transporte a coisa continua nojenta, chega o burro na carroça forrada com as palhinhas de palmeira babaçu cortadas ali perto mesmo, cheias de microrganismos e fezes de insetos. Daí para frente o burrinho e sua carroça segue para o mercado municipal de Paulo Ramos, cortando as nuvens de poeira deixadas pelos carros que cruzaram na estradinha de chão.

Na chegada ao mercado, o condutor da carroça abraça-se com a carne e finalmente a entrega ao açougueiro. E foi justamente neste momento que comecei a contar essa história. Será que você ainda está achando essa PICANHA boa para o seu churrasco de domingo?

_______________________

*Armando Dantas é formado em Pedagogia na Universidade Federal do Amapá (UNIFAP) e funcionário do Banco do Brasil.

Compartilhe esta postagem:

Sobre o autor | Website

Blogueiro há 11 anos da área de Educação e Concursos, já publiquei mais de 5 mil notícias neste site; Jornalista Técnico (Registro Nº 1102-MA - Superintendência Regional do Trabalho e Emprego do Maranhão - SRTE-MA).

Para enviar seu comentário, preencha os campos abaixo:

Deixe uma resposta

*

1 Comentário

  1. Unknown disse:

    é vergonhoso uma cidade da grandeza de bacabal e da importançia que tem bacabal ainda acontecer este tipo de transporte de carne para o consomo da população,que as auturidades competentes tenhãop mais um pouco de consideração com esta querida cidade e seus moradores,abraços a todos os bacabalenses