Menina albina de 15 anos é assassinada no Burundi, África

Compartilhe esta postagem:

Um grupo armado sequestrou, assassinou e desmembrou uma adolescente albina. O crime é o décimo-oitavo do gênero em menos de 4 anos.

Pessoas com albinismo têm sido alvo de discriminação em diversos países africanos. Em algumas regiões, poderes especiais são atribuídos aos albinos e os membros das vítimas às vezes são vendidos para bruxaria.
No mais recente ataque, na noite de sábado (29 de abril), 7 homens armados com lanças, machados e um rifle invadiram uma residência perto da capital Bujumbura e raptaram uma jovem de 15 anos. O grupo a matou e decepou seus braços e pernas, os quais levaram consigo.

Desde agosto de 2008, 18 albinos foram mortos.

A taxa de assassinatos caiu depois de agosto de 2009, quando 8 pessoas foram condenadas pela morte de albinos.
Kassim Kazungu, president do grupo Albinos Sans Frontieres, denunciou que o governo estava falhando em proteger os albinos e disse que todos os condenados à prisão pelos crimes contra albinos escaparam.
________________
Referência: traduzido pelo Blog do Albino Incoerente.

Compartilhe esta postagem:

Sobre o autor | Website

Blogueiro há 11 anos da área de Educação e Concursos, Jornalista Técnico (Registro Nº 1102-MA - Superintendência Regional do Trabalho e Emprego do Maranhão - SRTE-MA).

Para enviar seu comentário, preencha os campos abaixo:

Deixe uma resposta

*

Seja o primeiro a comentar!