Crianças trocam os pais pelo Google

Compartilhe esta postagem:

Essa história de você ser pego de surpresa pelo seu filho com perguntas – das mais variadas, numerosas e, por vezes, embaraçosas – pode estar com os dias contados. Uma pesquisa feita por uma universidade britânica revela que mais da metade das crianças prefere perguntar ao Google quando surge uma dúvida do que aos próprios pais.

Foram entrevistadas pela Universidade de Birmingham crianças e adolescentes com idades entre 6 e 15 anos. Cerca de 54% delas disseram que usariam o Google antes de sanar uma dúvida com os pais. E pasmem: apenas uma a cada quatro crianças perguntaria algo primeiro aos pais do que ao Google.

A pesquisa vai ficando ainda mais “divertida”: quase metade das crianças nunca usou uma enciclopédia em papel (45%). E uma em cada quatro nem ao menos sabem o que é isso. Rá!

“Isso não é necessariamente uma coisa ruim. Apenas mostra como a tecnologia é um lugar comum para as crianças e como elas estão confortáveis com isso”, disse ao “Daily Mail” o doutor Pam Wadwell, diretor da Universidade de Birmingham.

A natureza curiosa das crianças na internet, no entanto, tem de ser acompanhada de perto. Quem usa a busca por imagens do Google sabe bem do que estamos falando (você pode digitar a palavra mais inocente do mundo que aparecem fotos pornográficas lá no meio dos resultados).

Então, pais, encarem a tendência. Mas não deixem de orientar as crianças sobre como usar a internet com segurança.
________________

Referência: Ana Ikeda – UOL.

Compartilhe esta postagem:

Sobre o autor | Website

Blogueiro há 11 anos da área de Educação e Concursos, já publiquei mais de 5 mil notícias neste site; Jornalista Técnico (Registro Nº 1102-MA - Superintendência Regional do Trabalho e Emprego do Maranhão - SRTE-MA).

Para enviar seu comentário, preencha os campos abaixo:

Deixe uma resposta

*

Seja o primeiro a comentar!