Greve dos professores do MA continua, decisão de ministro do STF ainda não é definitiva

Compartilhe esta postagem:

A decisão de que a greve dos professores do maranhão é ilgal tomada pelo Ministro do Supremo Tribunal Federal, Ricardo Lawandowski, nada muda em relação ao movimento grevista, pois a decisão é monocrática, ou seja, na sua ótica e é uma decisão temporária, não é uma decisão do Tribunal, pois ainda não foi para os outros ministros apreciarem na Corte.

A Greve só poderá ser decretada como ilegal, quando for votada na Corte Suprema, o que ainda não tem a data marcada. Portanto, aos grevistas educadores, a GREVE CONTINUA.

Querem de qualquer forma, conturbar a opinião pública e esfacelar o movimento paredista da categoria. O Governo maranhense não senta para negociar com os educadores, e tenta jogar para a mídia comprada que estão negociando com a classe. É mentira. Querem ganhar no tapetão, coisa tão normal para o governo que aí está.

A decisão final que decidirá se a greve é ilegal ou não, ainda não foi concluída, falta decisão dos outros Ministros do Supremo.
________________
Referência: O Vianense.

RECOMENDE ESTA NOTÍCIA PARA SEUS AMIGOS NO FACEBOOK

CADASTRE SEU E-MAIL E RECEBA AS ATUALIZAÇÕES DO SITE

Compartilhe esta postagem:

Sobre o autor | Website

Blogueiro há 11 anos da área de Educação e Concursos, Jornalista Técnico (Registro Nº 1102-MA - Superintendência Regional do Trabalho e Emprego do Maranhão - SRTE-MA).

Para enviar seu comentário, preencha os campos abaixo:

Deixe uma resposta

*

1 Comentário

  1. Anônimo disse:

    Caríssimo companheiro,

    Obrigado pela referência, as informações foram de um jurista pesquisado pelo Blog.

    Vamos aguardar o desenrolar da novela.

    Abraço!