Sites do governo brasileiro sofrem ataque de hackers após posse de Dilma

Compartilhe esta postagem:

Um dia após a posse de Dilma Rousseff como presidente, os dois principais portais de comunicação do governo na internet ficaram fora do ar. O grupo que assumiu a autoria de ataques ao site oficial da Presidência da República (www.presidencia.gov.br) neste domingo, postou uma mensagem no microblog Twitter – por volta das 21h – se responsabilizando por outro ataque, ao site do Governo Federal (www.brasil.gov.br).

“Site da presidência sofre ataque de negação de serviço desde o inicio da madrugada”, escreveu o grupo “Fatal Error Crew”. Mais tarde, o grupo postou nova mensagem sobre o portal do governo federal: “depois de tirarmos do ar o site da presidência. Agora é a vez do www.brasil.gov.br ddos on!”.

Segundo a assessoria da Presidência, a equipe de informática do Serviço Federal de Processamento de Dados (Serpro) conseguiu resolver, no começo da noite, o problema no portal da presidente. Por volta das 21h15, os técnicos trabalhavam para reparar o ataque ao site do governo, que voltou a funcionar após as 21h30.

O grupo, que não comentou as motivações dos ataques, escreveu no Twitter que empregou uma negação de serviço, chamada de DDOS, para impedir o acesso aos sites. Segundo a assessoria da Presidência, os ataques de navegação consistem em uma programação de acessos simultâneos às páginas milhares de vezes, sobrecarregando o serviço.

O site do Palácio do Planalto foi reformulado no sábado, antes da posse de Dilma Rousseff. Entre as principais mudanças na página estava a inclusão de uma sessão com as diretrizes de governo da petista, semelhante à plataforma da campanha eleitoral.
________________
Referência: Terra.

RECOMENDE O SITE PARA SEUS AMIGOS NO FACEBOOK


CADASTRE SEU E-MAIL E RECEBA AS ATUALIZAÇÕES DO SITE

Compartilhe esta postagem:

Sobre o autor | Website

Blogueiro há 11 anos da área de Educação e Concursos, já publiquei mais de 5 mil notícias neste site; Jornalista Técnico (Registro Nº 1102-MA - Superintendência Regional do Trabalho e Emprego do Maranhão - SRTE-MA).

Para enviar seu comentário, preencha os campos abaixo:

Deixe uma resposta

*

Seja o primeiro a comentar!