Uma mulher assume o comando do Brasil: Dilma Rousseff, nossa 1º presidenta

Compartilhe esta postagem:

Há poucos instantes assisti a posse da presidenta Dilma Rousseff, a primeira mulher a comandar o Brasil. Ela assume o cargo com o dever e a missão de administrar nosso país durante quatro anos, dando continuidade aos projetos implantados pelo ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva e colocar em prática outros novos.

Para quem não gosta de ver as mulheres no comando deve ter torcido o nariz, mas para mim, não vejo nenhum problema nisso. O que importa é a competência, e isso, uma mulher como Dilma Rousseff, que foi eleita a primeira presidenta do Brasil, com certeza tem. Não espero que sua administração seja perfeita, porque não será, mas espero que os projetos que tenham o objetivo de melhorar nossas vidas sejam realizados com sucesso.

Ter o país comandado por uma mulher pela primeira vez, é um marco histórico e inédito no Brasil. Espero que as realizações durante o governo de Dilma, também tenham impactos históricos de forma positiva no nosso país.

PROFESSORES SÃO AS VERDADEIRAS AUTORIDADES EM EDUCAÇÃO, AFIRMOU DILMA EM DISCURSO DE POSSE

Assisti aos dois discursos de posse: no Congresso Nacional e na Praça dos Três Poderes. Todos eles me chamaram atenção, pelas palavras da presidenta sobre os diversos temas abordados, pela forma como falou, em alguns momentos emocionada, mas segura do que estava dizendo.

No entanto, a parte do discurso de posse no Congresso Nacional que mais me chamou atenção, foi quando ela falou sobre educação. Dilma Rousseff afirmou:

“Só existirá ensino de qualidade se professores forem tratados como as verdadeiras autoridades da educação, com formação continuada, remuneração adequada e sólidos compromissos com a educação dos jovens.”

Dilma está certa. os professores são e devem ser tratados como as verdadeiras autoridades em educação. Isso porque não existe ninguém que acompanhe a educação de uma pessoa mais de perto que um professor. Alguns professores conhecem os educandos melhores que seus pais.

Claro que a figura dos pais, enquanto família, não pode deixar de estar presente na educação. Mas o que reitero aqui é a necessidade de valorização do trabalho do professor, sendo a educação uma das formas mais eficientes de mudar a situação social do país.

Os professores são os responsáveis direto pela implantação de toda política pública sobre o tema. Não é a presidenta, não é o ministro e nem o secretário da educação que vão para sala de aula aplicar o que eles decidem sobre o tema, mas sim os professores.

Um dos objetivos do governo Dilma, já iniciado por Lula, é a erradicação da pobreza extrema, e ela deixou isso bem claro no seu discurso. E a educação é uma das alternativas que devem ser usadas para atingir esse objetivo.

Por isso, os professores mais do que nunca devem ser valorizados, pois somos nós que colocamos em prática e fazemos a educação desse país, com ou sem recursos, recebendo pouco, muito e as vezes, até nada como salário!

RECOMENDE O SITE PARA SEUS AMIGOS NO FACEBOOK


CADASTRE SEU E-MAIL E RECEBA AS ATUALIZAÇÕES DO SITE

Compartilhe esta postagem:

Sobre o autor | Website

Blogueiro há 11 anos da área de Educação e Concursos, já publiquei mais de 5 mil notícias neste site; Jornalista Técnico (Registro Nº 1102-MA - Superintendência Regional do Trabalho e Emprego do Maranhão - SRTE-MA).

Para enviar seu comentário, preencha os campos abaixo:

Deixe uma resposta

*

Seja o primeiro a comentar!