Adolescente de Bacabal se suicida aos 16 anos

Compartilhe esta postagem:

Um fato triste aconteceu na cidade de Bacabal, uma vida que estava no começo mas que logo chegou ao fim. A adolescente Ludmila Severina Sampaio Silva, 16 anos, suicidou-se esta semana. Ela estudava na Escola Batista e residia na rua 12 de outubro, centro de Bacabal.

Ludmila – 16 anos

A jovem tinha sentimentos amorosos por um de seus professores mas não foi correspondida. O professor procurou a família para informar sobre o que estava acontecendo. Ele também registrou um boletim na delegacia do 1º DP de Bacabal e a própria Ludmila confessou que estava inventando que ele ligava e se insinuava para ela. Ludmila também falou que mentiu porque ele não queria nada com ela e era a única forma de chamar atenção.

Desde quando começou esse sentimento, Ludmila deu sinais de que queria se suicidar. Quando ela viu que sua paixão não poderia mesmo ser realizada e deprimida, ingeriu no almoço o veneno conhecido popularmente por “chumbinho”.

Ainda com vida, Ludmila Silva foi colocada num veículo e levada às pressas para a capital, São Luís, sendo internada no Hospital Municipal Dr. Clementino Moura – o Socorrão II. Mas ela não resistiu aos efeitos fatais do “chumbinho” e veio a óbito. O sepultamento ocorreu na tarde desta terça-feira (14).

O professor envolvido nessa triste história não é em hipótese alguma o responsável pela morte de Ludmila e o mesmo se encontra muito abalado. Para evitar maiores transtornos prefiro não revelar seu nome.

O lamentável de tudo isso é que uma vida tão nova, com certeza com muitas conquistas pela frente, deixou de existir.

CADASTRE SEU E-MAIL E RECEBA AS ATUALIZAÇÕES DO SITE

Compartilhe esta postagem:

Sobre o autor | Website

Blogueiro há 11 anos da área de Educação e Concursos, Jornalista Técnico (Registro Nº 1102-MA - Superintendência Regional do Trabalho e Emprego do Maranhão - SRTE-MA).

Para enviar seu comentário, preencha os campos abaixo:

Deixe uma resposta

*

Seja o primeiro a comentar!