Somos livres e nosso voto é secreto – Por Liduina Tavares*

Compartilhe esta postagem:

A campanha eleitoral é oportunidade para empenho de todos na reflexão sobre o que precisa ser levado adiante com responsabilidade e o que deve ser modificado, em vista de um Projeto Nacional com participação popular

Estamos construindo uma forma diferente de fazer Política e, sobretudo, estamos construindo um novo político. Nossa missão é de ser construtores de uma política de respeito aos direitos humanos; de valorização de homens e mulheres; de proteção ao meio ambiente e de fortalecimento dos movimentos sociais. Se nunca aceitamos ser ludibriados por quaisquer forças políticas, hoje não aceitamos e não queremos ludibriar os que nos confiaram o seu voto em dois mil e oito. No próximo dia 03 de outubro tomaremos a decisão importante de eleger os nossos representantes, aqueles que velem para que nossa missão seja cumprida, aqueles que durante o mandato sirvam aos interesses e às necessidades da população, aqueles que são e apóiam a FICHA LIMPA. Sim, pois 85% dos brasileiros apóiam a Ficha Limpa e mais de 2 milhões se mobilizaram pela aprovação da lei. Por isso, incentivamos a que todos participem e expressem, através do voto ético, esclarecido e consciente, a sua cidadania nas próximas eleições, superando possíveis desencantos com a política, procurando eleger pessoas comprometidas com o respeito incondicional à vida, à família, à liberdade religiosa e à dignidade humana.

Queremos mais porque merecemos mais do que nos oferecem e assim o queremos porque podem nos oferecer mais. Não nos conformemos com pouco e por tão pouco tempo. Queremos educação e a queremos com altos índices de qualidade. Queremos saúde e a queremos em pleno funcionamento e com eficiência e eficácia, pois a vida é o bem maior que temos, necessita ser assistida. A vida é um curso que não pode seguir apenas em tempos de campanha, ela é até que a morte a interrompa. Queremos saneamento básico: esgotamento sanitário, sarjeta, meio fio, asfaltamento, coleta regular de lixo, água tratada. Queremos esporte e lazer. Queremos uma política consistente de garantia de emprego e geração de renda. Queremos tudo o que temos direito, inclusive o direito de ter direitos.

Nesse dia 03 de outubro temos grande responsabilidade com o conjunto da sociedade, devemos pedir a Deus que nos dê sabedoria para aceitar aquilo que não pode ser mudado e coragem para mudar aquilo que precisa ser mudado. Temos opções, entre elas, votar por conveniência, por acomodação ou votar em busca de melhores dias para a população de Bacabal e do Maranhão. Mas para mudar o Maranhão é preciso ter atitude, é preciso querer para todos nós e não apenas para alguns. Temos o poder de decidir no voto secreto o que realmente queremos. Juntos, nós geramos uma onda de esperança por um governo sem corrupção nunca antes vista. Este é o começo de uma política que trabalha para o povo.

Vamos à luta! Vamos às urnas! Somos livres e nosso voto é secreto!
____________________________________________

IMAGEM - Liduina Tavares

*Liduina Tavares – professora da rede estadual de ensino do Maranhão, Pedagoga, especialista em Planejamento Educacional, ex-secretária de educação de Bacabal, membro fundadora da Rede de Defesa de Direitos da Cidadania, vereadora no 1º mandato.

CADASTRE SEU E-MAIL E RECEBA AS ATUALIZAÇÕES DO SITE

Compartilhe esta postagem:

Sobre o autor | Website

Blogueiro há 11 anos da área de Educação e Concursos, Jornalista Técnico (Registro Nº 1102-MA - Superintendência Regional do Trabalho e Emprego do Maranhão - SRTE-MA).

Para enviar seu comentário, preencha os campos abaixo:

Deixe uma resposta

*

Seja o primeiro a comentar!