Irmão do goleiro Bruno é suspeito de estupro no MA

Compartilhe esta postagem:

Rodrigo Fernandes das Dores de Souza, de 23 anos, irmão do goleiro Bruno, foi preso na noite desta quinta-feira (15) em Campo Maior, cidade distante 84 km de Teresina, no Piauí, suspeito de estupro e cárcere privado, informou a Polícia Civil.

Rodrigo foi preso com base num mandado preventivo expedido pela Justiça do Maranhão. Ele é suspeito de estuprar uma mulher em Coroatá (MA), há dois anos, de acordo com a Polícia Civil.

A acusação é de uma professora evangélica de 32 anos, que disse à polícia que o gari passou a noite em sua residência lhe fazendo ameaças com uma faca na garganta em junho de 2008. “Existem provas que mostram que Rodrigo manteve em cárcere privado a professora até as 5h30 do outro dia, e a ameaçando com uma faça na garganta. Ele chegou a pedir dinheiro e tentou estuprá-la, mas conseguiu fugir”, disse o delegado João Batista Matos.

A vítima disse que o agressor contou que já tinha matado e roubado e que a mataria se ela o denunciasse.

O irmão de Bruno chegou a ficar preso dois dias mas acabou solto. A investigação policial não confirmou o caso como estupro.

A professora diz que fica traumatizada toda vez que lê ou assiste alguma notícia sobre o caso Eliza Samudio.

O gari negou a tentativa de estupro e disse que, na época, a professora era sua namorada. Ele disse ainda que está preso porque não foi às audiências. “Eu não estou preso pelo crime. Eu estou preso porque não compareci às audiências, pois eu não recebi nenhum comunicado da Justiça”, disse. Segundo Rodrigo, o delegado fez toda a investigação e sabia que ele estava saindo de Peritoró – MA, onde morava na época, para morar em Teresina.

O irmão de Bruno foi preso por volta de 20h em casa, na periferia da cidade, por uma equipe da Comissão Investigadora do Crime Organizado (Cico), grupo de elite da Polícia Civil local.

A Cico informou que Rodrigo passou por exame de corpo de delito no Instituto Médico Legal (IML) e depois foi levado para uma cela na sede da corporação, em Teresina.

ATUALIZAÇÃO ÀS 21:28 HS

A Polícia Civil do Maranhão vai trazer, até segunda-feira (20), para a penitenciária de Pedrinhas em São Luis – MA, Rodrigo Fernandes.

Quando chegar ao Maranhão, Rodrigo Fernandes Sousa será submetido ao exame de Corpo de delito, para comprovar sua integridade física, que será realizado no Instituto Médico Legal (IML). Em seguida, será conduzido ao Centro de Triagem em Pedrinhas, onde cumprirá pena.

CLIQUE AQUI PARA CADASTRAR SEU E-MAIL E RECEBER AS ATUALIZAÇÕES DO CASTRO DIGITAL.

Compartilhe esta postagem:

Sobre o autor | Website

Blogueiro há 11 anos da área de Educação e Concursos, Jornalista Técnico (Registro Nº 1102-MA - Superintendência Regional do Trabalho e Emprego do Maranhão - SRTE-MA).

Para enviar seu comentário, preencha os campos abaixo:

Deixe uma resposta

*

Seja o primeiro a comentar!