Brasil é o terceiro em crimes na internet

Compartilhe esta postagem:

O grupo de segurança na computação Symantec, em relatório publicado na terça-feira (20), destaca que o Brasil aponta a terceira colocação na lista de países com “atividade maliciosas na internet”. Essas atividades consistem em spam, tentativas de trapaça on-line e outros tipos de crimes de computação.

Os Estados Unidos continuam em primeiro, com 19%, com a China em segundo, com 8%, e o Brasil em terceiro, com 6%.

Software de segurança falso foi o maior problema de segurança on-line para os usuários de computadores em 2009.

O Conficker – um software nocivo que ganhou manchetes em abril do ano passado – e sofisticados ataques aos sites de Google e outras grandes empresas, realizados em dezembro e reportados em janeiro, foram os mais divulgados dos acontecimentos em termos de segurança na computação, em 2009.

Porém o crime mais comum usando o computador foi o falso software de segurança, que os usuários em geral veem como um alerta que surge em suas telas informando que a máquina está infectada por um vírus, disse Vincent Weafer, vice-presidente da Symantec.

A notificação muitas vezes contém um link para software que pode ser baixado, mediante pagamento; o usuário, no entanto, em lugar de receber software de segurança recebe um vírus, ou pior, disse Weafer.

A trapaça é popular porque as vítimas fornecem voluntariamente seus números de cartão de crédito, acreditando estar comprando software legítimo, e esses números depois podem ser usados à vontade pelos criminosos.

CLIQUE AQUI PARA CADASTRAR SEU E-MAIL E RECEBER AS ATUALIZAÇÕES DO CASTRO DIGITAL.

Compartilhe esta postagem:

Sobre o autor | Website

Blogueiro há 11 anos da área de Educação e Concursos, já publiquei mais de 5 mil notícias neste site; Jornalista Técnico (Registro Nº 1102-MA - Superintendência Regional do Trabalho e Emprego do Maranhão - SRTE-MA).

Para enviar seu comentário, preencha os campos abaixo:

Deixe uma resposta

*

Seja o primeiro a comentar!