Como se livrar de vírus no pen drive

Compartilhe esta postagem:

Atualmente para todo lugar que nos deslocamos encontramos computadores. Daí a necessidade de também levarmos alguns arquivos importantes para lá e para cá. Para isso usamos um aparelhinho que está super na moda, o pendrive. Se você ainda não tem um mas com certeza conhece alguem que tenha e futuramente você terá um também.

Mas ao conectarmos esse pendrive em diversos computadores transformamos nosso tão querido portátil em disseminadores de vírus, um problema que pode nos causar muitas dores de cabeça. Aqui descrevo algumas dicas para detectar e remover os vírus do seu pendrive.

A primeira dica para evitar vírus é obviamente escanear o pendrive com seu anti-vírus antes de abrí-lo. Não abra nenhuma das opções de execução automática. Vá ao Windows Explorer, clique com o botão direito no drive e faça o escaneamento antes de abrir.

Procure sempre plugar seu pendrive em computadores conhecidos. Evite plugar seu pendrive em qualquer computador, só pluque se for realmente necessário.

Uma das dicas para saber se o seu pendrive está contaminado é prestar atenção nos arquivos que você possui nele. Arquivos com a extensão .bat na pasta principal da memória e o famoso arquivo autorun.inf são fortes indícios de infecção, já que o arquivo autorun é instalado pelo vírus para que o mesmo seja executado quando o pendrive for plugado na máquina.

Abra o arquivo autorun.inf (sem executá-lo), clicando com o botão direito e mandando abri-lo com o bloco de notas e dentro estará o caminho do vírus que deveria ser executado ao abrir o pendrive, encontre-o e apague-o. Mantenha a opção mostrar pastas e arquivos ocultos sempre ativada, para que nenhum arquivo escondido passe despercebido.

Outros sintomas que indicam a contaminação são que o pendrive não abre, precisando que se clique com o direito e escolher a opção abrir com… Explorer. Outro indício é que não se pode apagar arquivos porque o vírus está em execução ou aparecem erros estranhos como: recycled boot.com is not a valid win32 application.
Para desinfectar seu pendrive use programas como o Flash Disinfector, o PenClean e o  Combofix.

Como desativar o AutoExecutar
Quando conectamos um pen drive contaminado no computador, o vírus é executado automaticamente, sem a vontade do usuário. Para impedir essa execução automática siga os passos.
1. Vá ao menu Iniciar » Executar e depois digite gpedit.msc e tecle Enter.
2. Na janela que vai aparecer vá em Diretiva Computado local » Configuração do computador » Sistema » Desativar AutoExecutar.
3. Após aberto, marque a opção Ativado e logo abaixo selecione Todas as unidades e clique em OK.
Mas atenção, ao fazer isso você desabilita a execução automática de qualuqer mídia que seu computador for ler. Isso quer dizer que toda vez que for ler um Cd ou DVD não mais aparecerá aquuela janelinha perguntando o que deseja fazer. Para reproduzir terá que abrir através de Meu Computador.

Proteja o seu Pen drive
Quando o Pen Drive é contaminando, o vírus cria um arquivo chamado autorun.inf, que é o responsável pela execução do vírus. O ideal seria impedir pelo menos a criação do autorun.inf. Para isso siga os passos.
1. Crie dentro do Pen Drive um arquivo autorun.inf
2. Abra o Bloco de notas, digite qualquer coisa e depois salve com o nome autorun.inf
3. Clique com o botão direito no arquivo que você criou e vá em Propriedades.
4. Na janela que irá aparecer marque os atributos Somente leitura e Oculto e clique em OK. Confirma as aplicações das alterações.

E mais uma coisa: aplique essas dicas também no seu celular e câmera digital. É isso mesmo! Esses aparelhos possuem memória e cartão de memória que também podem funcionar como armazenadores e transportadores de vírus.

Se depois de todos esses passos, seu pendrive ainda ficar contaminado, só há uma solução: formatar!

Se tem dúvidas ou se tentou executar uma das dicas acima e não conseguiu, deixe seu comentário que responderei.

Publicado originalmente em 04 de março de 2009.

Compartilhe esta postagem:

Sobre o autor | Website

Blogueiro há 11 anos da área de Educação e Concursos, Jornalista Técnico (Registro Nº 1102-MA - Superintendência Regional do Trabalho e Emprego do Maranhão - SRTE-MA).

Para enviar seu comentário, preencha os campos abaixo:

Deixe uma resposta

*

5 Comentários

  1. Wander Veroni Maia disse:

    Olá! Excelente seu artigo, pois tem dicas ótimas de como se prevenir para que o pen drive não seja uma porta aberta para vírus. Favoritei essa sua matéria pq daqui a pouco terei que fazer isso com o meu pen drive e cartão de memória. O seu texto é uma prestação de serviço para todos aqueles que usam esse aparelho, parabéns.

    Abraço,

    =]

    ——————-
    cafecomnoticias.blogspot.com

  2. edilene brandao da silva disse:

    goste, favoritei, divulgarei,
    parabens pelo teu espaço!

  3. Anônimo disse:

    Gostei das orientações, dica muito oportuna

    Ribbas

    Rio, 10 de janeiro 2010

  4. Gaspar disse:

    Obrigado pelas dicas. O Brasil precisa de pessoas como vc.
    Sou pauloramense, como vc.

    Um abraço.

    Teresina/PI 12 de fevereiro de 2010.

    Gaspar

  5. Brian Luis disse:

    Muito boa a dica, parabéns e muito obrigado1 Já uso o Penclean, para mim é o melhor, deixa seu pen drive limpinho e rápido, sem problemas!

    Abraços!