Suspeita de fraude no concurso da Prefeitura de Lago do Junco – MA

Compartilhe esta postagem:

Por Edson Sousa da Silva*

Este site já publicou um artigo sobre a máfia dos concursos públicos nas prefeituras e através deste quero destacar a suspeita de uma possível fraude no concurso público da Prefeitura de Lago do Junco – MA.

No dia 20 de dezembro de 2009, a Prefeitura Municipal de Lago do Junco e a Magnus Concurso Público, com sede Avenida Amazonas, 311 – 3º andar – Centro – CEP: 30180-000 – Belo Horizonte – MG realizaram concurso público de edital nº 01/2009, para provimento de vários cargos como: vigilante, médicos, professores, agente administrativo, entre outros.

As provas foram realizadas nas escolas municipais da sede, nos turnos da manhã e tarde. Foram inscritos 2216 candidatos, concorrendo a 182 vagas. Numa atitude inexplicável, foram “acomodados 45 candidatos numa sala de aula de apenas 8m por 7m. Como diz o velho ditado: “coração de mãe sempre cabe mais um!”

Superado o desaconchego do local, no dia 21 de dezembro à tarde a empresa responsável lança no site www.magnusconcursos.com.br o gabarito oficial. Foi aquele alvoroço.

No dia seguinte (22) foi aberto aos recursos, eles tinham que ser devidamente fundamentados. Pois bem, nesta procura por fundamentação encontrei algo que me deixou perplexo: a prova realizada no domingo já havia sido realizada por uma empresa chamada UNAMA (Universidade da Amazônia, com sede na Av. Alcindo Cacela, 287 – 66060-902 – Umarizal – Belém/PA), na cidade de Itaituba-Pará, no ano de 2006, através do edital 001/2006.

Isto mesmo… as questões 12, 13, 14, 17 e 24 do caderno de provas são as mesmas do concurso realizado em Lago do Junco. As questões referidas são de Conhecimentos Didáticos, e até o gabarito é o mesmo. Achei a prova no link www.unama.br/concurso_publico/provas_gabaritos/provas_itaituba/professor_magistério.pdf. Não sei porque esse link foi tirado do ar, mas como salvei o arquivo com a prova, basta CLICAR AQUI PARA BAIXAR A PROVA DO CONCURSO DE ITAITUBA COM QUESTÕES IDENTICAS ÀS DO CONCURSO DE LAGO DO JUNCO.

O que podemos fazer com relação a tal fato? Há a certeza de uma coisa: a internet é de acesso livre, com isso, qualquer cidadão, em qualquer parte do mundo, até em Lago do Junco, poderia ter acesso ao conteúdo da prova antes de sua realização.

O que nos resta é encaminhar o caso ao Ministério Público para analisar o caso e dar o veredito.

_______________________________________
*Edson Sousa da Silva – é professor e integrante de movimentos juvenis; acadêmico de Letras da Faculdade de Educação São Francisco (FAESF); reside na Comunidade Ludovico, Lago do Junco – MA

ACESSE TAMBÉM:
RECADO DIGITAL – Seu site de recados para suas redes sociais na web.

Compartilhe esta postagem:

Sobre o autor | Website

Blogueiro há 11 anos da área de Educação e Concursos, já publiquei mais de 5 mil notícias neste site; Jornalista Técnico (Registro Nº 1102-MA - Superintendência Regional do Trabalho e Emprego do Maranhão - SRTE-MA).

Para enviar seu comentário, preencha os campos abaixo:

Deixe uma resposta

*

11 Comentários

  1. Anônimo disse:

    gostei do artigo, bom seria se mais pessoas tivessem essa mesma atitude, denunciar os abusos dos poderes legislativo e executivos e o descaso do judiciario

  2. DENILDO disse:

    Isso é um absurdo, muita gente faz o possivel e o impossivel, se mata de estudar para conseguirem um emprego, passar num concurso e é isso que acontece. Quando isso vai acabar? E o poder judiciario onde esta numa hora dessas? Que atitudes vai tomar? será que vai fuicar por isso mesmo? O povo precisa acordar pro descaso que existe e tomar alguma atitude, isso não pode continuar acontecendo. Deixo esse alerta e esses questionamentos, se algum obtiver as respostas dos mesmo me repassem por favor:
    denildo_oliveira_[at]hotmail.com

    Edson boas palavras e otimo artigo abraços

    DENILDO

  3. Anônimo disse:

    Devemos mesmo cobrar nossos direitos que são todos os dias usurpados de nós!!! Muito boa a materia!

  4. Werlys disse:

    fico feliz por saber que muitos ainda se preocupa em conter ou pelo menos denuciar a corrupçao que nosso municipil estar enfrentando, parabéns CASTRO pela iniciativa, mas como andorinha só não faz verão me coloco a dispor de multiplicar a noticia e lutarmos pela justiça, pis não é justo que agente estude tanto, "der duro" para pessoas incompetentes, que pouco tem a oferecer de contrutivo se dar bem.

  5. Unknown disse:

    Agora ficou mais do que claro que até o concurso que é considerado público é fraudado por causa de politicagem. Pessoas se matam de estudar para conseguir um emprego dígno de sua capacidade, fazem boa pontuação e nã exercem o cargo por falta de dignidade dos políticos.

  6. Anônimo disse:

    Questões de prova não tem como serem sempre inéditas, pois como professor também sei o quento está difícil elaborar questões novas, pois os livros e autores sendo os mesmos, vai indo as questões acabam sendo iguais ou praticamente iguais. Isso não é caso de fraude meu caro amigo, você simplesmente deve estar querendo aparecer com tal questionamento.

  7. Anônimo disse:

    Primeiramente, acho interessante as informacoes que os internautas publicam mais sinceramente esse comentario, nao significa que o concurso teve fraude. Acho que as pessoas deveriam estudar … Ate por que em Concursos da Esfera Federal as vezes repetem algumas questoes. Todavia nao considero Fraude. Ja participei de varios concursos realizados pela Magnus Auditores e todos eles mostram transparencia.

    No mais deixo o meu recado onde confesso que tera transparencia como os demais concurso onde participei no Municipio de Pedreiras, inclusive fiscalizado pelo Ministerio Publico, onde foi demonstrado toda a transparencia possivel.

    um abraco.

    Miguel Santos

  8. Raimundo de Castro disse:

    Obrigado a todos pelos comentários e voltem a acessar o site sempre.

  9. Anônimo disse:

    Enfim, saiu o resultado de Lago do Junco – MA, Demorou muito mais realmente fiquei surpreendido ao ver o meu resultado. Realmente o concurso foi transparente. Ate quem fim uma empresa seria..

    Jose Alberto

  10. Anônimo disse:

    Empresa seria? eu ri com essa.

  11. Unknown disse:

    Quero saber quando o MPF vai cair em cima e mandar fechar essa banca. É muito fácil criar um CNPJ e aplicar provas com fraude. Quem entra na justiça e ganha a causa, recebe em torno de R$10.000…o que é esse valor se levarmos em conta os milhões que eles arrecadam com inscrição? nem todo mundo entra contra a banca, pois sabe que a justiça e lenta. Concurso Público é tudo maracutáia. Se não for CESPE ou Cesgranrio é furada.