Fui mal no ENEM, e agora o que fazer?

Se você se saiu mal no ENEM, não se desespere! Saiba que mesmo com nota não tão boa você ainda pode entrar na faculdade.

Compartilhe esta postagem:

Se você foi mal no Enem ou perdeu a prova, não precisa esperar mais um ano para começar a faculdade. Teve de chutar no Enem como se estivesse jogando futebol, e não fez nenhum gol? Pegue um copo d’água, acalme-se e veja só: há saída para tudo! É galera, finalmente, a ansiedade passou e o resultado do Enem foi divulgado. Foi uma longa espera e, para muita gente, o resultado passou longe do esperado.

Como me sinto ao ver minha nota do Enem: (Jogadores do Bayern após derrota para o Chelsea nos pênaltis, na decisão da Liga dos Campeões, em 2012)

Se você estudou o ano inteiro, mas só caiu a parte da matéria que você não sabia fazer, a gente está aqui para te dar um abraço virtual e dizer o seguinte: calma, não é o fim do mundo! Se você foi mal no Enem 2018 ou perdeu a prova, não precisa esperar até 2020 para começar a faculdade.

É isso mesmo! Há salvação! Há saída!

O Quero Bolsa é um site que oferece bolsas de estudo de até 75% em mais de 1,3 mil faculdades em todo o País. E o melhor é que para garantir a sua bolsa, você não precisa apresentar a sua nota no Enem. As bolsas disponíveis são válidas até o fim do curso, e o aluno não precisa pagar nenhuma taxa de renovação.

Como conseguir uma bolsa de estudo mesmo se saindo mal no ENEM?

  • 1. Acesse o site: www.querobolsa.com.br – clique para acessar.
  • 2. Navegue pelo site, escolha seu curso e a cidade onde você quer estudar.
  • 3. Escolha a sua bolsa de estudos.
  • 4. Faça a sua pré-matrícula online para garantir a sua bolsa.
  • 5. Imprima o comprovante de pré-matrícula do Quero Bolsa e apresente à faculdade no ato da matrícula.
  • 6. Pronto! O desconto está garantido para todas as mensalidades, até o fim do curso.

Com informações do Quero Bolsa, parceiro do Castro Digital.

Compartilhe esta postagem:

Sobre o autor | Website

Blogueiro há 12 anos da área de Educação e Concursos, já publiquei mais de 5.400 notícias neste site; Jornalista Técnico (Registro Nº 1102-MA - Ministério do Trabalho e Emprego).

Para enviar seu comentário, preencha os campos abaixo:

Deixe uma resposta

*

Seja o primeiro a comentar!