Pagode da Independência em Bacabal é proibido e liberado por promotoria de justiça

Compartilhe esta postagem:

A promotora de justiça de Bacabal, Klycia Menezes, proibiu que a 20° edição 2012 do tradicional pagodão da independência fosse realizada no lugar de sempre, o bar do Joel, na Av 01 da Cohab 2.

A alegação é que no evento acontece muita confusão e acima de tudo o barulho é ensurdecedor, considerando que se trata de uma área residencial.

Comente com seu perfil do Facebook ou Google/Blogger.

Mas o evento vai acontecer normalmente e quase no mesmo local: a promotora permitiu a realização da festa numa área vazia na Cohab 2, onde deveria ser construida uma praça. E o detalhe: a área também é cercada de residências.

Portanto, se a medida da promotora era coibir o barulho, não vai adiantar muito. Sem falar que festas que causam muito barulho devem ser proibidas em caso de acontecerem com muita frequência no mesmo local, mas o pagodão acontece apenas uma vez no ano há exatos 20 anos, portanto, é mais que tradicional na cidade.

Para o organizador do evento só resta obedecer a determinação e realizar a festa num local cheio de mato seco e muita poeira. Fica também a frustração dos participantes, tão acostumados com o local original, terem que se deslocar para outro, embora bem perto, mas totalmente insalubre para um evento desse porte.

Compartilhe esta postagem:

Sobre o autor | Website

Blogueiro há 11 anos da área de Educação e Concursos, já publiquei mais de 5 mil notícias neste site; Jornalista Técnico (Registro Nº 1102-MA - Superintendência Regional do Trabalho e Emprego do Maranhão - SRTE-MA).

Para enviar seu comentário, preencha os campos abaixo:

Deixe uma resposta

*

Seja o primeiro a comentar!